HomeEconomia

Crédito rural dolarizado do BNDES abre portas para investimentos

Crédito rural dolarizado do BNDES abre portas para investimentosGoverno trabalha por mais recursos para a linha de crédito. Foto: Creative Commons

BNDES vai comandar fundo de US$ 20 bi para a Amazônia
BNDES retoma oferta de R$ 2,9 bi em 12 linhas no Plano Safra 2022/23
Suíça e EUA somam R$ 45 milhões em doações para o Fundo Amazônia

A linha de crédito rural dolarizada do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) foi construída por meio de uma parceria com o Ministério de Agricultura e Pecuária (Mapa) e teve todos os recursos contratados no primeiro dia da Agrishow, na segunda-feira, 1/5.

Neste primeiro momento foram disponibilizados R$ 2 bilhões para financiamento do setor agropecuário com juros de 7,59% ao ano.

“São juros muito abaixo do próprio Plano Safra e recursos que não impactam no Tesouro Nacional”, explicou o ministro Carlos Fávaro.

Além disso, com a participação das montadoras, revendedoras e bancos relacionados a essas empresas, a taxa de juros aplicada aos financiamentos foi reduzida a 6,09% ao ano.

De acordo com o ministro, o montante inicial desta nova modalidade de crédito foi disponibilizado a fim de averiguar a aptidão do mercado e dos produtores para o financiamento dolarizado. Com o valor total contratado em apenas um dia,  Fávaro conversou com o presidente do BNDES, Aloizio Mercadante, que se comprometeu a alocar mais recursos para esta linha de crédito rural.

Plano Safra

Carlos Fávaro informou que está trabalhando para que seja anunciada em breve a suplementação do Plano Safra 2022/2023 até que o novo, para o ciclo que vai até 2024, seja lançado.

Fonte: Mapa