HomeMato Grosso, Terra de...

Comer canjica na Sexta-feira Santa é tradição em MT

Comer canjica na Sexta-feira Santa é tradição em MTCanjica é prato típico da Sexta-feira Santa no MT. Foto: EBC

Governo suspende PIS/Cofins na importação de milho
População ocupada no agronegócio atinge maior contingente desde 2016
CNA vai inaugurar escritório em Dubai para promover agro brasileiro

Você sabia que muitas famílias do Mato Grosso ainda seguem a tradição de comer canjica na Sexta-feira Santa?

Hábito antigo ligado à religião católica, o prato, que mistura milho, leite, açúcar, canela e cravo, tinha presença garantida em todas as mesas na data, marcada pelo jejum.

A diferença é que antes era feita no fogão à lenha e hoje na panela de pressão.

Sua origem é incerta. Alguns pesquisadores afirmam que a canjica chegou ao Brasil com os escravos e era alimento bastante utilizado nos quilombos e senzalas. Há outra versão, em que ela seria uma herança dos índios Tupinambás, que habitavam o litoral, quando os europeus chegaram nos começos do século XVI.

Seja qual for a verdade, a canjica hoje faz parte da culinária brasileira e, em alguns Estados do Norte e Nordeste, até ganha outro nome: mungunzá. E não pode faltar em festas juninas.

Além de proteínas, ferro, fibras, fósforo, ácido fólico, zinco e vitaminas, dizem que o prato também serve pra arrumar marido. Mas para isso é preciso comer canjica em sete casas diferentes.

E, aí, já colocou a sua canjica de molho?