HomeUncategorized

Exportações de carne bovina do Brasil dão salto de 31%

Exportações de carne bovina do Brasil dão salto de 31%

Feijão guandu consorciado em pastagem reduz emissão de metano em até 70%
Exportações de carne suína caíram 12% no mês passado ante maio de 21
Sistema Gravataí aumenta a produção e reduz dependência de fertilizantes

As exportações de carne bovina do Brasil deram um salto de  31% em janeiro no comparativo anual, com a retomada das compras da China. Segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), no mês passado, foram exportadas 140,5 mil toneladas da proteína in natura.

Em dezembro,  apenas 6,79 mil toneladas das 150,9 mil toneladas da proteína bovina exportadas pelo Brasil foram para o mercado chinês, contra 88,635 mil  um ano antes, segundo o Ministério da Agricultura.

O embargo da China às carnes brasileiras, que terminou em dezembro passado, durou mais de 90 dias e foi motivada por causa de dois casos atípicos do “mal da vaca louca”. Os casos foram identificados em frigoríficos de Nova Canaã do Norte (MT) e de Belo Horizonte (MG) em 4 de setembro. As autoridades brasileiras, cumprindo o protocolo sanitário que consta no acordo comercial entre os dois países, suspenderam as exportações à China, seu principal parceiro comercial.