HomeProdutividadePecuária

Volume de abates em dezembro foi o maior de todo o ano de 2021 em MT

Volume de abates em dezembro foi o maior de todo o ano de 2021 em MT

Abate de bovinos cai 4,4% no 2º trimestre ante 2º trimestre de 2020, diz IBGE
Abates de bovinos em outubro em MT foram 17,93% maiores ante setembro, diz Imea
Veja por que houve queda no preço da carne bovina em maio

O volume de animais abatidos em Mato Grosso durante o mês de dezembro foi o maior que a média mensal de todo o ano de 2021, totalizando 436,92 mil cabeças. Já a média do abate mensal foi de 385,49 mil. Os dados são do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Segundo o Imea, o número de abates realizados em dezembro representa um incremento de 0,40% ante o mês de novembro. Já no comparativo com o mesmo período do ano de 2020, houve um aumento de 12,22%. Esse incremento no volume de animais abatidos se dá em razão do retorno das compras chinesas e da demanda aquecida no período, devido às festividades do final de ano.

“Não é surpresa o aumento acima de 10% do abate no mês de dezembro de 2021 em relação a 2020. Mesmo com a redução dos animais para o confinamento, a oferta de animais supriu a necessidade da indústria. Comparando com o mesmo período do ano de 2020, o mês de dezembro foi um mês de alta taxa de abate e superou a expectativa”, explicou o gerente de relações institucionais da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Nilton Mesquita.

Esse cenário de alta no abate também influenciou na utilização real das indústrias frigoríficas. De acordo com o Imea, houve um aumento de 13,24 pontos percentuais no mês de dezembro, quando comparado a novembro de 2021 e o indicador ficou em 72,16%.

Isto porque o fluxo das vendas nas gôndolas aumentou diante da maior demanda de final de ano e as indústrias operaram com uma menor ociosidade. Aliado a esse movimento, o retorno da China às compras motivou o aumento na utilização das indústrias, a fim de exportar os produtos.

Fonte: Acrimat