HomeUncategorized

Construção de rodovia no Mato Grosso é investigada pelo MPF

Cultivo da pitaya orgânica envolve família no Norte de MT
Defeso da piracema terminou em MT, mas segue nos rios de divisa
Banqueiros condenam desmatamento por trazer prejuízos ao país

A construção da BR-080 é alvo de inquérito do Ministério Público Federal (MPF) para investigar se as obras afetam território indígena – o local sagrado Sõrepré do povo Xavante. Segundo o Diário Oficial do órgão da quarta-feira, 16/2, é necessário apurar se foi realizado o efetivo cumprimento da consulta e consentimento livre em relação às comunidades indígenas locais.

O MPF diz que atua no cumprimento dos direitos indígenas e afirma que o local chegou a ser identificado nos estudos ambientais e antropológicos realizados para a construção.

“Para regularização e instrução destes autos, determino, desde logo, a Secretaria deste gabinete providencie as anotações de praxe, incluindo as inserções devidas nos cadastros eletrônicos da Instituição”, aponta o procurador da República Guilherme Fernandes Ferreira Tavares no documento.

 Importante para o agronegócio mato-grossense, a BR-080 do Governo Federal atua no escoamento da produção da região do Araguaia e irá unir o município de Ribeirão Cascalheira à Brasília. Atualmente, uma ponte de 1.031 metros de extensão está sendo construída para ligar o nosso estado ao de Goiás.