HomeProdutividadeTecnologia

De IA a robótica, Agrishow atendeu pequenos e grande produtores; veja

De IA a robótica, Agrishow atendeu pequenos e grande produtores; vejaEdição teve recorde em participação de startups e inteção de negócios.Reprodução: Agrishow

Recursos para construção de armazéns crescem 81% no Plano Safra
País precisa de R$ 15 bi ao ano para brecar aumento de déficit de armazenagem
Na Agrishow, Abimaq defende modernização de frota com Plano Safra

Por André Garcia

Inteligência artificial (IA), conectividade no campo e robótica dominaram os debates e as negociações na 29ª edição da Agrishow, maior feira de tecnologia agrícola do país. Pelos stands, inovações voltadas à sustentabilidade dos processos selaram o casamento entre agricultura de precisão e de decisão.

Não à toa, 40 startups participaram desta edição, 19 a mais que em 2023, refletindo o avanço do setor de tecnologia no agro.  Do preparo de solo, passando pela escolha das sementes, plantio, adubação e controle de pragas, separamos os destaques do evento, encerrado na última semana em Ribeirão Preto (SP). Confira:

Tecnologia de outro planeta

A Embrapa Instrumentação, em parceria com a agfintech Agrorobótica, apresentou a Plataforma de Inteligência Artificial AGLIBS. Como já mostramos, esta tecnologia integra diferentes softwares e sensores  que permitem a digitalização do solo e das atividades agrícolas, além de viabilizar a comercialização de crédito de carbono.

De acordo com a organização da Agrishow, a ferramenta foi desenvolvida alinhada a critérios científicos aceitos internacionalmente e tem como base a tecnologia LIBS (Laser Induced Breakdown Spectroscopy), a mesma técnica que a agência espacial norte-americana (Nasa) embarcou nos robôs para avaliação do solo do Planeta Marte.

“Ela usa pulsos laser de alta energia para criar um microplasma na superfície da amostra, e assim, determinar a sua composição química. Por ser uma técnica analítica direta, ela pode ser aplicada a uma grande variedade de amostras em diferentes estados físicos da matéria”, explica a pesquisadora da Embrapa, Débora Milori.

Câmeras e redes neurais

Na mesma linha, um dos destaques do portfólio da Bosch no setor agrícola é o One Smart Spray, solução que permite a aplicação seletiva de herbicidas, detectando a presença de plantas daninhas, em tempo real, e pulverizando apenas onde é necessário. A tecnologia é baseada em câmeras com redes neurais e IA.

Na John Deere, foi apresentado o See & SprayTM Select, um sistema de pulverização inteligente que utiliza IA, visão computacional e machine learning em 30 câmeras para identificar e pulverizar apenas plantas daninhas. A solução tem média de 56% em economia de herbicidas, e em testes no Brasil chegou até 97%.

ChatGPT do agro

No que tange também à customização, a Bayer em colaboração com a Microsoft apresenta o Agri-Copilot. Comparável a um “ChatGPT do Agro”, software que usa a IA para responder de forma intuitiva e personalizada às perguntas dos produtores rurais, se baseia em conjuntos de dados agrícolas e ambientais.

Identificação e correção de falhas

A Cromai apresentou tecnologias que garantem tomadas de decisão assertivas e economia de recursos. O Cromai Scan Weed identifica e classifica plantas invasoras, enquanto o Cromai Scan Growline corrige falhas de plantio na cana-de-açúcar. Já Cromai Sentinel quantifica impurezas vegetais de forma automática.

Para o pequeno também tem

Além de apresentar os programas do Governo destinados aos pequenos produtores e à agricultura familiar, a Feira também estendeu sua carteira de soluções a este público.

A Irrigat, por exemplo, apresentou o carretel, equipamento que simplifica a irrigação. Projetado para ser fácil de usar e manter, ele irriga até 12 hectares e é móvel, permitindo o deslocamento para diversas áreas, inclusive aquelas que equipamentos maiores não conseguem acessar.

Já a Inroda levou ao evento a primeira colhedora de mandioca do mundo. A máquina, que aumenta o rendimento e reduz a quebra da raiz, foi desenvolvida em resposta à escassez de mão de obra qualificada e aos riscos ergonômicos e de acidentes associados ao trabalho manual da colheita.

LEIA MAIS:

Rastreabilidade melhora gestão, alavanca tecnologia e agreva valor

Tecnologias combinadas para enfrentar a seca na soja

Tecnologia nuclear ganha reforço para expandir agricultura sustentável

Mudanças do clima e inteligência artificial afetam 1/3 do agronegócio

Saiba como a Inteligência Artificial pode impulsionar o agro

Tecnologia e manejo sustentável aumentam produtividade de bezerros em 20%

Acesso à internet é gargalo para uso de tecnologia na pecuária em MT

Tecnologia é ferramenta de negócios de pecuaristas do MT, diz pesquisa